sábado, 23 de julho de 2011

Extremos da culinária japonesa: da bizarra lula dançante à arte de cozinhar

O primeiro vídeo deste post, na minha opinião é de muito mal gosto, aliás, o prato em si é muito duvidoso. Um restaurante em Hokkaido (Japão) surpreende ao servir Odori-don, ou, como podemos traduzir: "Pote de arroz com lula dançante". É literalmente isso... a lula é decapitada pelo chef e é servida sobre uma porção de arroz. Com molho shoyu os tentáculos se movimentam provavelmente por algum reflexo do organismo. Depois disso a lula é retirada e devidamente preparada. Custa cerca de 40 reais. Eu passo.

Esta não é a primeira vez que vemos vídeos por aí mostrando outras variações de pratos servidos "vivos" como peixes e lagostas o que certamente é dispensável e cruel.


Na contramão disso, é com alegria que posto um vídeo que achei muito interessante... e pasmem... tirado da Ana Maria Braga. Este ano o Superchef, competição de gastronomia que dará 50 mil ao vencedor, trouxe o chef Murakami, do restaurante Kanoshita de São Paulo para ministrar um dos workshops do programa. Um exemplo de como a cozinha japonesa é cheia de detalhes e ao mesmo tempo recheada de uma simplicidade nata. Cozinhar pode ser uma arte. É sublime.


Nenhum comentário: