domingo, 3 de fevereiro de 2008

Carnaval e Japão

Bom... carnaval chegou... época de muita farra e de desfiles de escolas de samba em São Paulo e Rio de Janeiro. Como também é ano de comemorar os 100 anos da imigração japonesa não demorou para unir um e outro. Pois bem... hashizeiros de plantão ficaram de olho pelo menos nos desfiles pra conferir os resultados, mas confesso que acabei perdendo boa parte da Unidos de Vila Maria, escola que utilizou a imigraçao japonesa como enredo ( “Irashai-Mase [bem vindo, em japonês], Milênios de Cultura e Sabedoria no Centenário da Imigração Japonesa”).
Para a minha surpresa a Vila Maria foi muito caprichosa nos detalhes. Com um visual luxuoso e bem correto fez valer a pena.
A escola contou com a presença de Yukachan como passista. Ela entrou com um kimono e depois ficou só de biquiní. Aqui dispenso os comentários que li em jornais e sites que dizem que ela tem curvas de brasileira e bla bla bla. Não precisamos ter mais do que dois olhos para perceber (uau).
Bom, em suma gostei bastante do desfile que eles apresentaram... foi bem vivo e de certa forma acho que deixou a todos satisfeitos (vide Liberdade em Sampa, né). Uma comissão de frente bem bonita e alas graciosas e mais ou menos convincentes. É claro que ninguém lá naquele amontoado de gente (com exceção do carnavalesco) sabia o que cada coisa significava, muito menos quem estava fantasiado lá, mas não se pode exigir muito, né.. é carnaval.
Bom... tudo isso rendeu um terceiro lugar para a Vila Maria. Menos mal, não?

Mais fotos


Nenhum comentário: